sexta-feira, 12 de maio de 2017

Uma continuação digna de Prometheus, basicamente sem terror, e que chega a direcinar à um sentimentalismo um tanto desnecessário... assistindo Alien: Covenant



Hoje dia de assistir mais uma continuação ou predecessor, ou qualquer coisa do tipo da série Alien, uma série que tenho certo apego por achar os clássicos um tanto aterrorizantes. O início do filme tenta ser dramático ao mesmo tempo que tenta explicar um pouco melhor a origem dos protagonistas, por um lado algo que Prometheus deixou um pouco aberto, mas que pra série Alien não tem uma importância tão significativa, e por outro algo muito movido por sentimentos, esquecendo bem que a tripulação é basicamente feita por cientistas, que deveriam ser um pouco mais frios do que um poço de drama. A continuidade do filme logo se mostra confusa, apesar do filme se mostrar algo voltado à exploração espacial, parece que ninguém está realmente muito preso a isso, várias tomadas de decisão são baseada no ego de cada um, isso mostra uma imensa fragilidade ao filme, tudo foge do que parecia ser, tentando dar um ar de desespero ao filme, mas que passou muito a impressão que os próprios cientistas se enfiavam quase que propositadamente em enrascadas pra deixar tudo com pitadas de terror, uma forçada muito exagerada e que realmente deixou muito de lado algum sentimento de suspense ou terror de verdade, restando só se assustar com poucos jumpscares, que eram muito previsíveis, o que se pode aproveitar aqui são as cenas mais sanguinárias, que são bem explícitas e parecem até um tanto apelativas para serem impactantes, mas sem o clima de terror, não passam de uma coisa sanguinária quase desnecessária. A parte de atuação até tenta se mostrar boa, alguns personagens parecem ter um pouco mais de personalidade, outros são bem fracos, até mesmo Michael Fassbender tem uns momentos sem noção, o que faz no geral o filme ser mediano nesse ponto. Os efeitos são bonitos, mas em grande maioria são quase estáticos, somente nas cenas finais de ação se exige mais, e onde se mostra falho, chegando ao ponto de perceber claramente que há um chroma key de fundo. No geral, um filme bastante fraco, uma continuação digna de Prometheus, que foi algo bem decepcionante, aqui pouco se salva, como alguns efeitos especiais bem bonitos, mas o roteiro é bem fraco e que deixa o filme longe de pertencer de verdade a saga Alien.

#AlienCovenant #Alien #filme #cinema #terror #horror #ação #drama #aventura #SciFi #exploração #espacial #efeitos #especiais #colonização #androide #shopping #MarketPlace #Cinemark #GuiasLocais #LocalGuides #CinetecaXinguê

Nenhum comentário:

Postar um comentário